sexta-feira, 8 de outubro de 2010

David, sempre

Começo por pedir desculpa a todas por não ter passado por cá durante este tempo!
Pormeto-vos que durante a próxima semana ponho os comentários e selos todos em dia!

Acho que algumas ainda se lembram dos meus desabafos sobre o acidente na Madeira. Agora, tudo acabou. O David, faleceu, ontem pelas 17h depois de uma infecção. 
Se eu acho a vida injusta? Não. Injusta é uma palavra muito fraca para descrever a vida.
O David dedicou os seus 25 anos de vida a ajudar os outros, foi/É das melhores pessoas que eu conheci! Agradeço-lhe todos os dias todos os beneficios que ele deu à minha vida, todos os momentos e todas as palavras que me marcaram.
Tenho tudo para dizer, mas só consigo chorar e sei que ele não queria, de certeza, que sofressemos com isto. Por tudo o que me possam dizer, que é verdade, desde ser o Destino, a Hora dele, o já ter feito o que tinha a fazer aqui na Terra, para mim continua a ser a "morte" mais estúpida que vi, em toda a minha vida.
Uma coisa é certa, para mim o David vai continuar SEMPRE vivo e sei que está num lugar bem melhor que este!

Deixo aqui a memória, é apenas um post de um blog, mas sei que ele ouve todas as nossas palavras!

Estarás para sempre no nosso coração, David Baptista

5 comentários:

  1. Lindo texto +.+
    Esteja ele onde estiver de certeza que leu todas essas palavras, digo mais, esteve aí ao teu lado a acompanhar-te em cada letra que escrevias.
    Esteja ele onde estiver estará sempre a olhar por ti.
    Muita força*

    ResponderEliminar